0

Item(ns) adicionado(s) recentemente

Produtos no Carrinho: 0 Subtotal: R$ 0,00
COMPRAR TODOS OS PRODUTOS

Psicoterapia e sentido da vida

Disponível em estoque para envio imediato

Seja o primeiro a avaliar este produto

A obra mais importante que se escreveu sobre psicoterapia depois de Freud. Superando o “pai da psicanálise”, este é um manual de compreensão e estudo científico e humanístico do ser humano.

    Psicoterapia e sentido da vida

    Click on above image to view full picture

    Sumário

     

    Preâmbulo: Viktor Frankl – o homem 

    Prefácioà 7ª edição 

    Introdução 

    I - DA PSICOTERAPIA À LOGOTERAPIA 

    Psicanálise e psicologia individual 

    O vácuoexistencial e a neurose noogênica 

    A superação do psicologismo 

    O reducionismo genético e o pandeterminismo analítico

    Imago hominis 

    A psicogênese do psicologismo 

    II - DA PSICANÁLISE À ANÁLISE EXISTENCIAL

    A) Análise existencial geral 

    1. O sentido da vida

    a discussão do sentido da existência 

    o suprassentido 

    princípiodo prazer e princípio do equilíbrio 

    subjetivismo e relativismo 

    três categorias de valores 

    eutanásia

    suicídio 

    a vida no seu caráter de missão

    o princípio da homeostase e a dinâmica existencial

    o sentido da morte

    comunidade e massa

    liberdade e responsabilidade 

    o poder de resistência do espírito 

    O destino biológico 

    O destino psicológico 

    O destino sociológico 

    a psicologia do campo de concentração 

    2. O sentido do sofrimento 

    3. O sentido do trabalho 

    a neurose de desemprego 

    a neurose dominical 

    4. O sentido do amor 

    sexualidade, eroticidade e amor 

    irrepetibilidade e «caráter de algo único» 

    o horizonte do «ter»

    valor eprazer

    distúrbios neuróticos sexuais 

    o amadurecimento sexual 

    diretrizes de pedagogia sexual

    B) Análise existencial especial 

    1. Psicologia da neurose de angústia 

    2. Psicologia da neurose compulsiva 

    análise fenomenológica das vivências de tipo neurótico-compulsivo 

    a técnica logoterápica da intenção paradoxal 

    3. Psicologia da melancolia 

    4. Psicologia da esquizofrenia 

    III - DA CONFISSÃO SECULAR

    À DIREÇÃO DE ALMAS MÉDICA 

    Direção de almas médica e pastoral 

    A relação manipulada e a entrevista de acareação 

    A técnica análitico-existencial do denominador comum 

    Últimoauxílio 

    Epílogo 

    Observações 

    Seleção bibliográfica do Autor 

    Índicede matérias 

     

    Prefácio

    Já que nos aventuramos a corresponder, com uma nova edição, ao interesse por um livro que continua a ser procurado vinte anos depois que veio a lume pela primeira vez, impõe-se-nos introduzir capítulos adicionais que atualizem o ideário nele consignado, sem entretanto adulterar demasiado o «primeiro lance» – que era uma obra unitária, de uma só peça. É claro que isto não se faz senão à custa da homogeneidade do conteúdo. Por isso nos parece oportuno enumerar aqui, dentre os aditamentos feitos, aqueles que ocupam os tópicos mais extensos da presente edição. Ei-los: 

    – Introdução (extrato da comunicação apresentada pelo Autor no encerramento do 5.° Congresso Internacional de Psicoterapia, na qualidade de Vice-Presidente); – O vácuo existencial e a neurose noogênica (extraído de uma entrevista concedida pelo Autor a Huston C. Smith, professor do Massachusetts Institute of Technology, conforme consta de um filme a cores preparado por iniciativa da Califórnia College Association);

    – O reducionismo genético e o pandeterminismo analítico (baseado na dissertação proferida a convite do Conselho Acadêmico, quando do 6.° Centenário da Universidade de Viena);

    – Imago hominis (como acima); 

    – Subjetivismo e relativismo (The First Howard Chandler Robbins Lecture, dada na American University em Washington);

    – O princípio da homeostase e a dinâmica existencial (extraído da conferência proferida a convite do Instituto de Psicologia da Universidade de Melbourne);

    – A técnica logoterápica da intenção paradoxal (conforme o Opening Paper do Symposium on Logotherapy, a convite do 6.° Congresso Internacional de psicoterapia);

    – Direção de almas médica e pastoral (Peyton Lecture do ano de 1965, dada na Southern Methodist University em Dallas); 

    – A relação manipulada e a entrevista de acareação (extraído do Seminar on Logotherapy realizado na Harvard University Summer School);

    – Último auxílio (da coleção Modern Psychotherapeutic Practice: Innovations in Technique», editada por Arthur Burton, Science and Behavior Books, Palo Alto, Califórnia, 1965);

    – Epílogo (tradução do texto de um filme preparado pelo Department of Psychiatry, Neurology and Behavioral Sciences da University of Oklahoma).

     

    A análise existencial veio reformular, nas últimas décadas, todo o tratamento psicoterapêutico; na nova perspectiva em que visualiza o doente, o professor Viktor E. Frankl não pretende apenas libertá-lo de supostos «tabus» introjetados, mas fornecer à sua liberdade um «para quê», um sentido. Desfaz assim o determinismo em que incide boa parte da cultura atual, realçando a necessidade de cultivar a liberdade, o caráter e o senso de responsabilidade como partes integrantes da saúde psíquica; supera o pansexualismo de origem freudiana, salientando que o prazer – assim como o poder – não preenche o «vácuo existencial» do indivíduo; elucida, enfim, o papel do espírito na captação dos valores objetivos, na abertura para a transcendência, sem a qual qualquer equilíbrio psíquico se reduz a uma palavra vã. Entre Freud, para quem a religião se confundia com uma «neurose», e Frankl, que vê nas exigências do dever e dos valores espirituais um fator terapêutico, medeia um abismo. Há entre eles uma diferença comparável àquela que opôs o heliocentrismo ao geocentrismo, na era quinhentista.

    Este livro expõe as bases da Logoterapia. As considerações profundas que encerra, a sua originalidade, e até o estilo ameno, ágil e comovente do Autor, que toca as fibras mais finas da poesia e da dialética sem perder o rigor científico, tornam-no imprescindível não apenas para os psiquiatras, mas para todos os médicos, pastores de almas, educadores e estudantes de psicologia. Carl Rogers classificou-o como «uma das mais importantes contribuições à psicologia publicadas nos últimos cinquenta anos».
    SKU163
    AutorViktor E. Frankl
    Edição
    Páginas424
    ISBN9788574650562
    Formato16 x 23
    EditoraQuadrante

    Quem Comprou, Comprou Também

    • Sede de sentido

      Sede de sentido

      De: R$ 22,00

      Por: R$ 19,80

      Ou até: 6x de R$ 3,30

      ou R$ 19,80 à vista

    • Em busca de sentido

      Em busca de sentido

      De: R$ 55,00

      Por: R$ 49,50

      Ou até: 6x de R$ 8,25

      ou R$ 49,50 à vista

    • Teoria e terapia das neuroses

      Teoria e terapia das neuroses

      De: R$ 59,90

      Por: R$ 53,91

      Ou até: 6x de R$ 8,99

      ou R$ 53,91 à vista

    • Sofrimento de uma vida sem sentido, O

      Sofrimento de uma vida sem sentido, O

      De: R$ 34,90

      Por: R$ 31,41

      Ou até: 6x de R$ 5,24

      ou R$ 31,41 à vista

    De: R$ 70,00

    Por: R$ 63,00

    Ou até: 6x de R$ 10,50

    ou R$ 63,00 à vista

    Preços, produtos e condições de pagamento válidos exclusivamente para compras efetuadas no site, não valendo necessariamente para a loja física e televendas, sujeitos a alteração sem aviso prévio. Ofertas válidas durante o dia de hoje ou enquanto durarem nossos estoques para internet. Parcelamento em até 6x (sem juros) somente através de cartão de crédito para os produtos devidamente sinalizados e com parcela mínima de R$ 1. Vendas sujeitas à análise e confirmação de dados. Imagens dos produtos são meramente ilustrativas. Produtos sujeitos a entrega conforme disponibilidade em estoque.

    Copyright 2015 www.quadrante.com.br - Todos os Direitos Reservados. Quadrante Sociedade de Publicações Culturais CNPJ: 50.866.276/0001-25

    Loja Virtual por

    Linkbiz

      Carregando...